Brazilian Journal of Pain
https://brjp.org.br/article/doi/10.5935/2595-0118.20210025
Brazilian Journal of Pain
Review Article

Treatment of dentin hypersensitivity with laser: systematic review

Tratamento da hipersensibilidade dentinária com laser: revisão sistemática

Sara Tereza Camelo Mendes, Camila Santos Pereira, Jannefer Leite de Oliveira, Vívian Cristina Silva Santos, Brenda Barbosa Gonçalves, Danilo Cangussu Mendes

Downloads: 0
Views: 150

Abstract

BACKGROUND AND OBJECTIVES: Dentin hypersensitivity is an exacerbated response to a stimulus, causing acute and short-term pain. Over the years, several treatments for dentin hypersensitivity have emerged, including laser therapy. Thus, the objective of this work was to carry out a review about the available devices and the existing procedures of laser therapy in the treatment of dentin hypersensitivity. 
CONTENTS: A systematic review of studies published from 2016 to 2020 was carried out through bibliographic search in the electronic databases Pubmed and the Biblioteca Virtual em Saúde (Virtual Health Library), using the following descriptors: “Laser” And “Dentin Hypersensitivity”. Of the total of 51 articles found in the search, 14 were eligible for a review. There was an evaluation of the possible risks of bias for each of the articles included. 
CONCLUSION: As a result, a variety of devices available on the market and different protocols that prove to be effective for the treatment of dentin hypersensitivity when compared to the initial pain situation (baseline) were found. When laser treatment is compared with other existing therapies, it’s not so clear which would be the most effective, due to the wide variety of study methodologies. However, an association of therapies that act in the two mechanisms of pain interception (neural and blocker) seems to be an appropriate conduct in the control of dentin hypersensitivity, and this combination can happen through physical methods (High and low intensity laser) and chemical (neural and blocker agents).

Keywords

Dentin desensitizing agents, Dentin sensitivity, Lasers. 

Resumo

JUSTIFICATIVA E OBJETIVOS: A hipersensibilidade dentinária é uma resposta exacerbada a um estímulo, causando dor aguda e de curta duração. Ao longo dos anos, diversos tratamentos para a hipersensibilidade dentinária têm surgido, incluindo a laserterapia. O objetivo foi realizar uma revisão acerca dos aparelhos disponíveis e dos protocolos do tratamento da hipersensibilidade dentinária com laser. 
CONTEÚDO: Foi realizada uma revisão sistemática de estudos publicados de 2016 a 2020, por meio da busca bibliográfica nas bases de dados eletrônicos Pubmed e da Biblioteca Virtual em Saúde, utilizando os seguintes descritores: “Laser” e “Dentin Hypersensitivity”. Do total de 51 artigos encontrados na busca, 14 foram elegíveis para a revisão. Foram analisados os possíveis riscos de viés para cada um dos artigos incluídos. 
CONCLUSÃO: Diante da variedade de protocolos existentes quanto ao uso do laser, tanto alta (LAP) quanto de baixa potência (LBP), nadiminuição do desconforto causado pela HD, pode-se concluir de maneira geral que o emprego do laser tem se mostrado efetivo na grande maioria dos protocolos utilizados nos estudos, porém, ainda não é claro qual seria a estratégia mais efetiva a longo prazo. A associação de intervenções que atuem nos dois mecanismos de interceptação da dor (neural e obliterador) parece ser uma conduta apropriada no controle da HD, podendo essa combinação acontecer por meio de métodos físicos (laser de alta e baixa intensidade) e químicos (agentes neurais e obliteradores). A terapia mais adequada para HD depende de criteriosa anamnese e exame físico, enquanto o sucesso do tratamento dependerá da remoção dos fatores causais e de um plano de tratamento feito individualmente para cada paciente.

Palavras-chave

Dessensibilizantes dentinários, Lasers, Sensibilidade da dentina.

Submitted date:
08/16/2020

Accepted date:
03/30/2021

6164cc1fa953953f2a7cc7b2 brjp Articles

BrJP

Share this page
Page Sections